Notícias


Oficina de Direção de Arte, com Billy Castilho, de 19 a 23 de março - Inscrições abertas

O reconhecido diretor de arte paulistano, criador da Tag Gallery (SP), assina trabalhos para grandes marcas nacionais e internacionais, como Puma e Hermès. Além da publicidade, Billy tem um trabalho forte no audiovisual, tanto no cinema quanto nos clips. Entre seus trabalhos recentes está a direção de arte do clip Will I See You, da cantora Anitta e a direção de arte e cenografia do novo longa metragem dos Estúdios Disney. Ele estará semana que vem no Maranhão, ministrando pela primeira vez a oficina direcionada para profissionais das áreas de publicidade, audiovisual, teatro e fotografia.

Você possivelmente já assistiu a algum filme publicitário que tem a direção de arte assinada por Billy Castilho. Ele já trabalhou em filmes de diversas marcas de cerveja, automóveis, artigos esportivos, operadoras de telefonia e lojas de departamento.

Billy irá compartilhar com o público um pouco da experiência acumulada em mais de trinta anos de carreira, desde que trocou a arquitetura pela publicidade e foi seduzido pelo mundo das artes, que ainda criança o fascinava.

O foco da oficina será desenvolver o olhar para a direção de arte e a cenografia, começando com uma vivência em espaços públicos para observação dos ambientes e do comportamento das pessoas, passando por um panorama sobre a criação e as situações que podem ser montadas e, por fim, chegando à importância da luz.
Para o diretor, que já excursionou pelo norte e nordeste do país em busca de arte urbana, esta é uma oportunidade também para conhecer os artistas e um pouco da produção cultural do esta-do.

“A cultura Maranhense que eu conheço é mais por pesquisa. Vejo que São Luís está conectada com tudo que acontece de arte pelo mundo. A cultura popular maranhense é muito forte, com toda a força de miscigenação, mas vejo a cultura POP sempre presente e se atualizando através da música, do graffite, das ilustrações, pinturas, xilogravuras e da gastronomia. No meu trabalho de curadoria de arte Urbana, conheci artistas apenas de Pernambuco e Bahia, do Maranhão quero conhecer além daquilo que pesquiso pelo instagram. Conheço o trabalho dos grafiteiros Gil Peniel, Edi Bruzaca e Naldo Saori, sei que há muito mais.”

Além da publicidade, o diretor tem um trabalho forte no audiovisual, tanto no cinema quanto nos clips, “Minha relação com o Cinema sempre foi de paixão, gosto muito de fazer curta metragem pela linguagem livre e pop”, revela o diretor, que trabalhou com os diretores Jorge Espírito Santo e Marina Person. No final do ano seu trabalho novamente estará nas telonas do mundo inteiro, ele assina a direção de arte do novo longa metragem da Disney.
A curadora do Centro Cultural Vale Maranhão, Paula Porta, explica a importância da oficina: “O Billy tem um trabalho de excelência na direção de arte, além de ser um grande conhecedor da Street Art. No Maranhão há muita qualidade na criação, há um celeiro de bons realizadores, mas faltam oportunidades de troca e de aperfeiçoamento. O CCVM busca contribuir nesse campo da formação, trazendo profissionais importantes, que tragam conteúdos relevantes e também levem informação sobre o que se produz aqui. Todos os profissionais que vieram ministrar oficinas saíram impressionados. As oficinas são uma via de mão dupla, proporcionam uma troca real e necessária”.

A oficina é uma boa oportunidade para os profissionais do audiovisual, da publicidade, do teatro, das artes visuais e da fotografia. A oficina irá acontecer de terça a sexta, de 14h às 19h e no sábado, de 10h às 13h.
Os interessados devem enviar uma breve apresentação de sua atuação profissional (máximo 10 linhas) e duas fotos ou vídeos de trabalhos realizados paro e-mail contato@ccv-ma.org.br, informando também nome completo, o nome da oficinal e telefone para contato. A carga horária é de 23 horas(terça a sexta, de 14h às 19h e sábado, de 10h às 13h). São 20 vagas. A inscrição é gratuita.

Da Vila Gustavo, zona norte de São Paulo, para o mundo

Billy Castilho construiu sua carreira de forma independente. As agências o chamavam para solucionar questões, propor, provocar e assim ele foi imprimindo a sua marca e mantendo-se no voraz mercado da publicidade.

Em 1999, depois de dez anos trabalhando como freelancer, Billy investiu em sua empresa o Estúdio Billy Castilho. É de lá que toca projetos, o primeiro trabalho de porte foi realizado há 12 anos para a Skol, quando levou a arte urbana para empenas de prédios. Nesta época conheceu vários artistas e grafiteiros. Billy Castilho é uma das grandes figuras da publicidade brasileira, assina a direção de arte de filmes publicitários para Coca cola, Vivo, Ford, Nike, Skol, Brahma, C&A, Puma, Hermès, entre outras.

Em 2015, abriu no centro de São Paulo a Tag Gallery, com foco na arte urbana. Hoje a Tag atua apenas on-line.